24 fevereiro 2008

HINO À NATUREZA

.

.
PASSEAR PELO

........................GERÊS/XURÉS
.. .
-----
No dia 23 (sábado) dia de passeio de bike, pelo magnifico Parque Natural da Peneda do Gerês, um mundo de natureza único, de paisagens deslumbrantes, de paz e tranquilidade.


-----Assim, enquanto todos se levantavam cedo da cama na esperança de um grande dia, entre amigos e a pedalar, outros faziam uma directa por afazeres profissionais, mas pelos mesmos motivos faziam questão de marcar presença nesta viagem a uma área protegida e parque nacional.
.
-----A concentração estava marcada para as 06h30, e todos lá foram cumprindo, pelo que, após termos colocado as biclas nas duas carrinhas de apoio, saímos da Invicta pelas 07h15, em direcção a Terras de Bouro - Gerês.

.
-----A chegar a Campo - Gerês, o guia da comitiva automóvel decidiu pregar uma partida aos restantes condutores, por forma a chegar as 09h00 em ponto ao parque de campismo da Cerdeira.

.
-----Depois de 45 minutos utilizados para equipar, preparar as bikes, aquecer os "motores" e o briefing sobre o passeio e regras do PNPG, deu-se início ao passeio no Gerês, pelo segundo ano consecutivo.







-----O percurso delineado para os participantes desfrutarem ao máximo da paisagem, teve um início pela mata de albergaria, que por se tratar de um estradão largo, permitia que seguissem em grupo compacto e colocassem a conversa em dia.


.

-----Depois da ponte de madeira, seguimos pela Geira romana até perto do rio Homem, onde a maioria aceitou atravessar o rio, que seguia com um caudal de água muito baixo, que não permitiu molhar os pés como ano passado na Serra Amarela, enquanto alguns seguiram pela estrada de asfalto até a Portela do Homem.


.
-----Os que decidiram seguir pela Geira, viram-se rodeados de vegetação enquanto carregavam as bikes, uma vez que a subir e naquele trilho não era fácil ir em cima da bicla.

-----Pelo caminho cruzamo-nos com meia dúzia de bettetistas, que faziam o percurso no sentido oposto, de forma bem mais fácil que a nossa.
.
-----Na Portela do Homem, já dava para ver que o S. Pedro ia pregar-nos uma partida, pois o céu começava a escurecer, ameaçar uma chuvinha.
.

-----Assim, que atravessamos a fronteira a expectativa ia aumentando nos menos preparados, com receio de não conseguirem superar a subida.
.
-----Mas felizmente a camaradagem está sempre presente nos nossos passeios e todos chegaram ao cimo do monte, mesmo esperando um bom bocado pelos mais atrasados, debaixo de uma chuva molha tolos e de um vento gelado.
.


-----Este tempo de espera foi aproveitado para as fotos da praxe e algumas brincadeiras.



-----Aqui a organização tinha outro trilho como alternativa ao que seguíamos, destinados aos mais destemidos, pelo que após uma breve explicação da diferença entre os dois percursos, seguimos destino, tendo 11 aventureiros seguido pela caminho da Minas de las Sombras.

.

-----Entre as 14h00/14h30 os participantes foram chegando a Torneiros, onde a organização forneceu uns comes e bebes para enganar o estômago até o almoço.
.
-----Enquanto o pessoal do apoio guardava as bikes nas carrinhas, alguns aproveitaram para um mergulho relaxante no tanque das termas com água quente.
..

-----Infelizmente os banhos tiveram de ser rápidos porque o relógio não parava e o restaurante esperava a nossa chegada.
-----O regresso ao local de partida foi efectuado nos carros, sendo evidentes as diferenças entre visitar o parque durante a semana e o fim-de-semana, devido a confusão criada pela presença humana.

.
-----Chegados ao parque de campismo, foi hora de banhos antes do almoço.

.
Galeria de fotos
Gerês/Xurés
GPSies - Gerês/XurésTrilho de GPS de Campo do Gerês até Torneiros, pela trilho Mina das Sombras

17 fevereiro 2008

ANIVRSÁRIO ECOBIKE


-----No dia 01 de Março (sábado), o ECOBIKE, vai festejar o seu primeiro aniversário com um passeio de cicloturismo.
.
-----A concentração está marcada para as 15h00, frente ao estabelecimento prisional do Porto, Custoias - Matosinhos.
.
-----Valor da inscrição: 1€ (banhos incluídos)
.
-----No fim a organização preparou um jantar aberto a todos os interessados, para festejar a data em causa, a realizar na Associação dos Guardas Prisionais da EP do Porto, pelas 19h00 (10€ valor do jantar).
.
MySpace Graphics
MySpace Graphics

13 fevereiro 2008

PODIA LÁ IR TODOS OS DIAS..



.
-----
Eis um lema que resume a maioria das viagens e que se aplica na perfeição a esta região do país.
.
-----
No dia 13 (terça-feira), lá fomos novamente ao Gerês, desta vez sem profissionais, com o propósito de fazer o percurso completo, do passeio do próximo dia 23, para assim, ter uma noção do tempo que vai demorar, bem como outras situações inerentes a realização do mesmo.



.

-----Assim, pelas 09h30, dê-mos início ao passeio em S. João do Campo, em direcção a Mata da Albergaria, onde seguimos por um estradão em terra batida, com a albufeira da barragem de Vilarinho das Furnas sempre o lado esquerdo e toda a paisagem da mata de ambos os lados.
.
-----
O Marito, como sempre era o fotografo de serviço, pelo menos até a Mata da Albergaria, onde o zoom da Sony xpto, decidiu fazer greve e fotos só de telemóvel.
.
-----
Desta vez, não foi necessário seguir pela estrada que liga a Portela a Caldas do Gerês, para seguir para a fronteira, uma vez que o caudal do rio Homem seguia baixo, sendo assim possível atravessa-lo e continuar pelo caminho romano da Geira, até a Portela.
.

-----Este troço efectuado em trilho tipo single-track, rodeado de vegetação, exigiu em algumas partes desmontar e empurrar, pois além de muitos calhaus era a subir.
.
-----Em Espanha, depois de descer cerca de 300mt por estrada, entramos no estradão à direita, começamos a subir ligeiramente, dos 700mt até 1047mt, que fizemos muito lentamente, ao ritmo que alguns vão fazer no dia do passeio.
.
-----
Com 21km, quase no topo, fizemos uma pequena paragem para reforço alimentar, junto de um curso de água.
.
-----
De seguida, não consegui resistir e tive furar os planos e decidiu seguir pelo trilho Rota das Minas de las Sombras, com cerca de 9km, com 2 ou 3 de dificuldade alta, pelo que não vamos fazer no dia do percurso.











-----Deste modo, o Marito e Jorge continuaram a subir pelo estradão, enquanto eu segui sozinho pelo carreiro minado de calhaus, que me obrigou a baixar o assento, porque a cada metro o desequilíbrio era iminente e a queda esteve prestes acontecer.
.
-----
Adorei este caminho apesar da dureza e do mal que fez a minha coluna (com trajectos destes não há fisioterapia que resista).
.
-----A diabolic é que não se queixou das dificuldades e superou-as todas com mestria.
.
-----
Encontrei-me com os meus amigos em Torneiros, pelas 13h20, onde fizemos mais uma pequena paragem.
.
-----
O regresso até Portugal foi efectuado pelo que resta da Geira Romana, com partes intransitáveis, só mesmo empurrando a bike.

.



.

-----Pelas 15h15, chegamos junto da viatura e terminamos o passeio porque desta vez não tinhamos a disponibilidade de tempo dos outros dias.

.

10 fevereiro 2008

PASSEIO DE CICLOTURISMO

.................................................................................

.
-----
No dia 09 (sábado de tarde), juntamo-nos frente à Cadeia de santa Cruz do Bispo - Matosinhos, para mais um passeio de cicloturismo, desta vez organizado pelo nosso amigo Elisiário.
.
-----
Com a presença de 32 pessoas, alguns dos quais nunca tinham pedalado na nossa companhia.
.
-----
O inicio foi um bocado atribulado porque o organizador tinha estabelecido um percurso, que foi alterando devido a presença de alguns ciclistas com bikes de estrada, que assim não podiam passar nos pequenos troços de mato e tinham de se juntar ao grupo mais à frente.
.
-----E ainda porque alguns ciclistas tem faltado aos treinos.
.
-----
O passeio terminou com um jantar bem picante.

---------ÁLBUM

09 fevereiro 2008

NA ROTA DO EROS

.

-----ECOBIKE na abertura do EROS - PORTO`08, Salão Erótico do Porto, que decorreu entre os dias 07 e 1 de Fevereiro, no pavilhão Multiusos de Gondomar.


-----Uma noticia de conteúdo XXXX com o intuito de desenjoar os menos viciados pelas constantes crónicas sobre bicicletas...


-----Por incrível que pareça o meu amigo Pedro levou maquina fotográfica, para mais tarde recordar esta visita cultural, ou mostrar o material artísitco aos curiosos que pelos mais diversos motivos não quiseram pagar os 20€ do bilhete, mas não é que esqueceu-se que a maquina não funcionava com a bateria descarregada.aahhh


-----Assim, mais uma vez foi necessário recorrer ao velhinho telemóvel, apesar da fraca qualidade das imagens.


conteúdo maiores 18 anos

video

06 fevereiro 2008

CARTAZ GERÊS/XURÉS

.
.
-----Caros amigos, como já sabem no próximo dia 23, vamos realizar um passeio de bike, pelo Parque Natural do Gerês, com início na localidade de Campo do Gerês e terminus em Torneiros - Espanha, num total de 40km.
.
-----O percurso passa pela Mata da Albergaria, pelos caminhos da Geira romana, até chegar à Portela do Homem.
-----Depois de atravessar a fronteira segue por trilhos até Lobios e dali até Torneiros por estrada.
.
-----Um percurso recheado de paisagens inesquecíveis.
(para mais informações contacta-nos)
.
PARQUE NATURAL
.......................DO GERÊS

---------------------------------------------------....-ROTEIRO DO GERÊS

---------------------------------------------------------------------
.-----Já que vamos fazer um passeio neste belo parque natural, deixo-vos aqui alguma informação sobre o PNPG (Parque Natural Peneda Gerês) e da região, como forma de promover o seu património cultural e natural riquíssimo.

-----Fazendo votos que cada vez mais pessoas ali se desloquem, criando, assim, condições para um desenvolvimento económico sustentado da região e dessa forma uma melhoria dos rendimentos dos seus habitantes.

Localização:
Norte de Portugal, na zona de transição de entre o Douro e Minho e Trás-os-Montes.
A área geográfica do Gerês e de 69632,9 hectares, distribuídos por 5 concelhos:

Melgaço: Castro Laboreiro e Lamas de Mouro;
Arcos de Valdevez: Cabana Maior, Cabreiro, Gavieira, Gondoriz e Soajo;
Ponte da Barca: Britelo, Entre-Ambos-os-Rios, Ermida, Germil e Lindoso;
Terras do Bouro: Campo do Gerês, Covide, Rio Caldo e Vilar da Veiga;
Montalegre: Cabril, Covelães, Outeiro, Pitões das Júnias, Sezelhe e Tourém;

Relevo:
Dominado pelos planaltos de Castro Laboreiro 1340m e da Mourela 1380m e por uma região montanhosa, onde se destacam as serras da Peneda 1340m, Soajo 1430m, serra Amarela 1350m e Serra do Gerês 1545m.

As cotas mais baixas localizam-se Entre-ambos-os-Rios, nas bacias dos rios Cavado e Lima, a 50 metros e na Caniçada a 150m.


Clima:
Uma das regiões de Portugal com maiores índices de pluviosidade, com valores medios anual de 1600mm no planalto de Mourela e acima dos 2800mm na Serra Amarela e do Gerês.

Hidrográfica:
Composta por 3 bacias hidrográficas

– Rio Cavado
- Rio Lima
- Rio Minho
Com 6 barragens:
Alto Lindoso e Touvedo = Rio Lima
Caniçada, Salamonde e Paradela = Rio Cavado
Vilarinho das Furnas = Rio Homem

Flora:
Algumas manchas florestais de dimensão razoável, como: a Mata da Albergaria, a Mata do Cabril, a Mata do Beredo, a Mata do Ramiscal
e os carvalhais da Peneda.
.
Tojos e urzes encontram-se geralmente em situação estável, albergando uma comunidade animal rica, em zonas próximas dos 1300 a 1400 metros.

.
.
Fauna:

Javalis, lobos, veados, texugos, lontras, gato bravo, martas, tourões, águia-real, apesar de rara, persiste na vigilância das alturas do Gerês, assim como a perdiz-cinzenta, que é uma espécie pouco comum.

Gastronomia:

Deleite-se com as várias iguaras da cozinha da região:

  • Papas de sarrabulho
  • Cabrito assado
  • Trutas em vinho tinto
  • Arroz de cabrito
  • Pudim Abade de Priscos
  • Aletria com ovos - Terras de Bouro
  • Queijo da Cachena

Como Chegar:
.
Entrada por Lamas de Mouro, vindo de Melgaço, pela EN 202;
" por Mezio, vindo de Arcos de Valdevez, pela EN 202;
" por Entre-Ambos-os-Rios, vindo de Ponte da Barca, pela EN 203;
" por Covide, vindo de Terras de Bouro, pela EN 307;
" por Rio Caldo, vindo da Póvoa de Lanhoso, pela EN 103 e 104, e vindo de Amares pela EN 308;
Entrada por Sezelhe, vindo de Montalegre, pela EN 308;
" por Paradela, vindo de Venda Nova, pela EN 308-4.
.
Onde ficar:
.
Parques de Campismo
Lamas de Mouro - Melgaço - Tel. 25145129
Entre-Ambos-os-Rios - Ponte da Barca - Tel. 25868361
Vidoeiro Vilar da Veiga - Gerês - Tel. 253391289
Cerdeira - Campo do Gerês - Terras de Bouro - Tel. 253351005

Pousada de Juventude
Vilarinho das Furnas, Campo do Gerês (acesso pela EN 307) - Tel. 253351339

-----Além destas opções existem muitas pensões, habitações de turismo rural e alguns hoteis. A visita a uma área protegida deve ser feita de modo a perturbar ao mínimo o ambiente natural envolvente.

Só assim será possível desfrutar em pleno das paisagens, sons e cheiros que tornam o Gerês num local único no nosso País.

Algumas regras na sua visita

  • Não conduza o carro para fora das estradas;
  • Siga os caminhos e os trilhos existentes;
  • Acampe apenas nos Parques de Campismo;
  • Não faça lume;
  • Leve consigo o seu lixo ou coloque-o nos recipientes apropriados;
  • Não colha plantas, flores, cogumelos, frutos ou amostras minerais;
  • Respeite as indicações dos guardas, vigilantes e técnicos do Parque;
  • Não perturbe a tranquilidade do local;
  • Cumpra os regulamentos de caça e pesca

De uma beleza natural ímpar e clima ameno, o Gerês é, sem dúvida, uma das mais bonitas regiões do país. A diversidade e abundância de flora e fauna locais proporcionam um contacto com a natureza único e bastante enriquecedor para toda a família.

Pelo exposto, o Gerês é o destino ideal para umas mini-férias com a família e/ou amigos, onde ainda pode gozar de actividades tão diversas como os vários desportos náuticos, na barragem da Caniçada, os passeios em trilhos por entre a rica vegetação, ou visitas as aldeias, passeios de cavalo, etc.

BOA ESTADIA