24 fevereiro 2008

HINO À NATUREZA

.

.
PASSEAR PELO

........................GERÊS/XURÉS
.. .
-----
No dia 23 (sábado) dia de passeio de bike, pelo magnifico Parque Natural da Peneda do Gerês, um mundo de natureza único, de paisagens deslumbrantes, de paz e tranquilidade.


-----Assim, enquanto todos se levantavam cedo da cama na esperança de um grande dia, entre amigos e a pedalar, outros faziam uma directa por afazeres profissionais, mas pelos mesmos motivos faziam questão de marcar presença nesta viagem a uma área protegida e parque nacional.
.
-----A concentração estava marcada para as 06h30, e todos lá foram cumprindo, pelo que, após termos colocado as biclas nas duas carrinhas de apoio, saímos da Invicta pelas 07h15, em direcção a Terras de Bouro - Gerês.

.
-----A chegar a Campo - Gerês, o guia da comitiva automóvel decidiu pregar uma partida aos restantes condutores, por forma a chegar as 09h00 em ponto ao parque de campismo da Cerdeira.

.
-----Depois de 45 minutos utilizados para equipar, preparar as bikes, aquecer os "motores" e o briefing sobre o passeio e regras do PNPG, deu-se início ao passeio no Gerês, pelo segundo ano consecutivo.







-----O percurso delineado para os participantes desfrutarem ao máximo da paisagem, teve um início pela mata de albergaria, que por se tratar de um estradão largo, permitia que seguissem em grupo compacto e colocassem a conversa em dia.


.

-----Depois da ponte de madeira, seguimos pela Geira romana até perto do rio Homem, onde a maioria aceitou atravessar o rio, que seguia com um caudal de água muito baixo, que não permitiu molhar os pés como ano passado na Serra Amarela, enquanto alguns seguiram pela estrada de asfalto até a Portela do Homem.


.
-----Os que decidiram seguir pela Geira, viram-se rodeados de vegetação enquanto carregavam as bikes, uma vez que a subir e naquele trilho não era fácil ir em cima da bicla.

-----Pelo caminho cruzamo-nos com meia dúzia de bettetistas, que faziam o percurso no sentido oposto, de forma bem mais fácil que a nossa.
.
-----Na Portela do Homem, já dava para ver que o S. Pedro ia pregar-nos uma partida, pois o céu começava a escurecer, ameaçar uma chuvinha.
.

-----Assim, que atravessamos a fronteira a expectativa ia aumentando nos menos preparados, com receio de não conseguirem superar a subida.
.
-----Mas felizmente a camaradagem está sempre presente nos nossos passeios e todos chegaram ao cimo do monte, mesmo esperando um bom bocado pelos mais atrasados, debaixo de uma chuva molha tolos e de um vento gelado.
.


-----Este tempo de espera foi aproveitado para as fotos da praxe e algumas brincadeiras.



-----Aqui a organização tinha outro trilho como alternativa ao que seguíamos, destinados aos mais destemidos, pelo que após uma breve explicação da diferença entre os dois percursos, seguimos destino, tendo 11 aventureiros seguido pela caminho da Minas de las Sombras.

.

-----Entre as 14h00/14h30 os participantes foram chegando a Torneiros, onde a organização forneceu uns comes e bebes para enganar o estômago até o almoço.
.
-----Enquanto o pessoal do apoio guardava as bikes nas carrinhas, alguns aproveitaram para um mergulho relaxante no tanque das termas com água quente.
..

-----Infelizmente os banhos tiveram de ser rápidos porque o relógio não parava e o restaurante esperava a nossa chegada.
-----O regresso ao local de partida foi efectuado nos carros, sendo evidentes as diferenças entre visitar o parque durante a semana e o fim-de-semana, devido a confusão criada pela presença humana.

.
-----Chegados ao parque de campismo, foi hora de banhos antes do almoço.

.
Galeria de fotos
Gerês/Xurés
GPSies - Gerês/XurésTrilho de GPS de Campo do Gerês até Torneiros, pela trilho Mina das Sombras

2 comentários:

Vitor Silva disse...

Sem qualquer dúvida o melhor passeio em que participei ao nível de paisagens que nos rodeavam!

Por isso e como sei o trabalho que dá organizar um passeio, quero enviar os meus parabéns ao Jorge Almeida, pelo seu empenho para que tudo corresse pelo melhor.

Aos nossos amigos sempre presentes Mendes e narciso, que desta vez tiveram a preciosa colaboração do Beira e do Ferreira no apoio ao passeio, o meu muito obrigado a todos, bem como ao Paulo Rebanda e ao Mário Almeida.
Abraços e até o próximo passeio.

Nando Sousa disse...

De facto um excelente passeio com paisagens magníficas ( do Gerês não se espera outra coisa) e um trilho técnico ao mais alto nível- e eu até que não sou muito dado aos trilhos gostei bastante da descida.
Só tive pena de não poder ter aproveitado as termas e isto devido ao já adiantado da hora e dos atrasos, o que é frequente acontecer em percursos mais longos. E a viagem de regresso na carrinha pelos trilhos foi uma autêntica viagem de carrossel... Como também sei o trabalho e as despesas pessoais que dão organizar estes passeios, aqui ficam os meus parabéns aos organizadores.